Tema Acessibilidade

PARECE MIRAGEM

PARECE MIRAGEM

(Poema escrito as margens da Lagoa Manguaba numa tarde de Sexta-Feira na Peixada do Bebé)

 

Autor: Sérgio Moraes (Pilar-AL)

 

As garças voam e rondam a lagoa, as ondas batem na proa da canoa,

Os pescadores saem para pescar e a mata verde rodeia a Manguaba do Pilar.

 

É tarde de Sexta-Feira, as ondas se agitam a todo momento,

Os pescadores seguem para pescar e Eu aqui sentindo a brisa dos ventos.

 

À sombra de um belo Pé de Amendoas, aprecio esta linda paisagem,

O verde das matas ao redor da lagoa, o céu azul, o ar puro as canoas,

É coisa de filme, PARECE MIRAGEM.

 

Sérgio Moraes

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados ao autor. Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
0
1 mil visualizações •
Denuncie conteúdo abusivo
Sérgio Moraes ESCRITO POR Sérgio Moraes Escritor
Pilar - AL

Membro desde Agosto de 2010

Comentários


Outros textos de Sérgio Moraes

Reflexões
REFLEXÃO E REALIDADE
Uma Reflexão nessa tempestade da Pandemia e a realidade da vida, da perda, da saudade... Do fazer o bem, amar, levar alegria, etc.